Palavra do Especialista

Veja 5 benefícios da dança para o seu filho

Share on whatsapp Pinterest LinkedIn Tumblr

Quem dança seus males espanta! A criança que dança lida melhor com seus sentimentos e encontra diferentes maneiras de expressão

Existem muitos motivos pelos quais a dança pode ser considerada uma das melhores e mais completas atividades físicas. Seja pela diversão ou pelos benefícios à saúde, dançar ensina sobre autoconfiança, autodisciplina e equilíbrio. Vamos aproveitar o Dia Internacional da Dança (29 de abril) para ver como essa atividade é importante no desenvolvimento das crianças.

A dança é a expressão das emoções através do corpo em movimento. A criança que dança lida melhor com seus sentimentos e encontra diferentes maneiras de expressão. É mais segura e disciplinada. Compreende que errar faz parte da vida e que quando queremos muito algo precisamos de treino, coragem e foco. 

“A criança que dança é mais sensível ao mundo, ao próximo e respeita melhor a si mesmo. Dança é arte e trabalha amplamente o cognitivo e o motor, trazendo benefícios para a vida toda”, salienta a professora de dança do Colégio Marista Santa Maria, Daisy Maria Victor.

Como a dança pode ajudar no distanciamento social?

Nesse momento de pandemia, com muita privação, permitir que a criança se sinta livre consigo mesma é vital. Permitir que ela dance dará asas para a imaginação, trará sorriso e leveza para dias tão difíceis. A professora ressalta que a criança é espaço, é descoberta de movimento o tempo todo. Elas correm no lugar de andar e se movem com muita naturalidade, por isso incentivar a dança é tão importante. 

Quais são os benefícios da dança?

Ao mesmo tempo em que é uma brincadeira para as crianças, dançar desenvolve diversas habilidades e traz benefícios que farão a diferença pela vida toda. Confira alguns motivos para incentivar os filhos a dançar:

1. Aprimora a saúde física

Dançar é uma ótima forma de exercício, e o envolvimento com a dança desde cedo ajuda as crianças a permanecerem ativas ao longo da vida. A dança aumenta a flexibilidade, amplitude de movimento, força física e resistência. Além de promover a saúde geral, o desenvolvimento aprimorado nessas áreas pode ajudar com esportes e outras atividades na escola e fora dela.

2. Melhora o desenvolvimento emocional

Quando seu filho experimenta a alegria de dançar, ele aprende a se expressar de uma forma benéfica para sua saúde física e mental. Esta expressão ajuda a desenvolver a maturidade emocional. Ao dar às crianças a liberdade de canalizar suas emoções e energias em um ambiente seguro, sua autoestima e confiança aumentarão significativamente.

3. Incentiva a socialização

Em uma aula de dança, as crianças aprendem a trabalhar em equipe, desenvolvem um maior senso de confiança e cooperação e fazem novos amigos. Muitas vezes, desenvolvem amizades duradouras por meio da dança.

4. Estimula a criatividade

Não importa o estilo, a dança incentiva as crianças a serem mais criativas e a se expressarem de várias maneiras. Incentivar a criatividade e a imaginação é importante para construir confiança, relacionamentos eficazes e como pensar criticamente. A primeira infância é o melhor período para o desenvolvimento da criatividade, e a solução criativa de problemas servirá ao seu filho para o resto da vida.

5. Favorece o desenvolvimento cognitivo

A dança permite que as crianças aprendam autodisciplina e a administração do tempo. A dedicação, disciplina e foco que as crianças aprendem e praticam na dança são habilidades importantes para a vida que serão transferidas para a escola, o trabalho e outros aspectos de suas vidas.

Os comentários estão desativados.