Infância

Volta às aulas: como lidar com a expectativa das crianças

Share on whatsapp Pinterest LinkedIn Tumblr

Famílias devem orientar os filhos sobre os cuidados necessários e também oferecer apoio emocional

O início de um novo ano é sempre um período para se preparar para voltar à escola, rever os amigos e professores. Porém, com as incertezas geradas pela pandemia, esse cenário que antes era comum, mudou. Com isso, a retomada das aulas deverá seguir cuidados especiais no que diz respeito aos materiais, lanches, higiene e todas as questões de segurança e prevenção ao novo coronavírus. 

As famílias devem orientar os filhos sobre os cuidados necessários quando as aulas voltarem, sem atrapalhar a empolgação das crianças diante desse momento tão esperado. O mais importante, ressalta o diretor do Colégio Marista Glória, Marcio Willyans Ribeiro, é compreender que a adaptação ocorrerá gradualmente para todos os estudantes.

Neste processo, além de todo o apoio e acompanhamento dos professores, a presença e sensibilidade das famílias é fundamental para manter um ambiente amistoso de diálogo e estímulo. 

“Na medida em que os estudantes percebem a sintonia entre escola e família se constrói as condições necessárias para o desenvolvimento integral das crianças, adolescentes e jovens”, lembra o diretor.

Independentemente do formato presencial ou remoto, é importante que as famílias recebam todas as informações necessárias para conhecer e entender o ensino híbrido, o que facilitará com que toda a comunidade escolar incorpore o novo modelo de ensino em seu cotidiano com todas as características e ajustes necessários. 

Confira dicas de como preparar as crianças para o retorno das aulas:

Cuidar do emocional é necessário

Diante de tantas mudanças, é preciso lembrar o quanto o aspecto emocional é afetado por todas essas alterações.

“Nesse período, muitas preocupações perpassam o cotidiano de todas e todos nós, atingindo em cheio nossas emoções”, observa o psicólogo Pedro Braga Carneiro, especialista do Grupo Marista.

Lide com as expectativas

Uma estratégia para trabalhar com as expectativas das crianças é dar vazão à imaginação. Como você imagina que vai ser quando voltar para sua escola? Do que está com saudades? O que vai querer fazer quando estiver lá novamente?

Desenvolva a paciência

A vivência da pandemia tem nos mostrado o quanto é importante equilibrar o ritmo acelerado e imediatista do dia a dia, especialmente com as crianças. Sendo assim, é interessante realizar atividades que evidenciem o processo, nas quais se perceba a contagem do tempo e os prazos necessários para cada etapa. Cultivar plantas, montar um calendário de datas especiais, propor jogos mais elaborados podem ser boas estratégias.

Oriente as crianças

Os pais podem repassar com as crianças as orientações de saúde, higiene e segurança. Será importante perceber que haverá restrições de atividades, de contato físico, de aglomeração, que ainda serão necessárias. 

Converse com o seu filho

É importante manter o canal de diálogo aberto para saber como o seu filho está se sentindo e o que espera do retorno às aulas. Desta forma, ficará mais fácil perceber como a criança está processando todas essas informações para apoiá-la de forma mais eficiente.

Os comentários estão desativados.