Marista Lab

Postura em frente às telas: como evitar problemas

Share on whatsapp Pinterest LinkedIn Tumblr

Ter um lugar ergonomicamente adequado é fundamental para uma boa postura durante os estudos. Veja como ajudar o seu filho

Sentar no sofá com o computador no colo ou deitar na cama rolando a tela do celular pode parecer uma boa ideia, mas a verdade é que são posturas pouco ergonômicas. O resultado é que, com o tempo, surgem dores nas costas, braços e pernas, o que pode atrapalhar até mesmo o rendimento nos estudos.

Por isso, investir um tempo para pensar se você está sentado em um lugar confortável é muito importante, especialmente em tempos em que estudar em frente à tela se tornou rotina. Sendo assim, é importante cuidar da forma com que dialogamos com o universo digital, a começar pela nossa postura em frente aos aparelhos.

Como ajudar os filhos a ter uma postura adequada?

Para qualquer pessoa, é fundamental pensar quão confortável e ergonômico é o local de trabalho. No caso dos adolescentes, a configuração adequada é mais importante ainda, já que ainda estão em crescimento, é preciso evitar que sofram consequências indesejadas da má postura.

Porque proteger a postura é importante?

Permanecer muito tempo ao longo de dias com a postura inadequada pode causar rigidez muscular, dores de cabeça e dores prolongadas nas costas e no pescoço. O desconforto pode se refletir até mesmo na qualidade dos estudos, como pouca atenção ou participação e distração fácil.

Os pais precisam estar atentos se o filho reclamar constantemente de dores nas costas, pescoço ou ombros durante ou após o tempo de tela. É também importante observar aspectos corporais, como postura arredondada na parte superior das costas e cabeça para a frente.

Confira dicas para ajudar o seu filho a manter uma boa postura em frente às telas:

1. Não é preciso ter equipamentos profissionais, mas uma cadeira com encosto adequado para as costas ajuda a manter a postura ereta.

2. Invista em um ambiente propício para o estudo, com espaço bem ventilado e poucas distrações, ou distrações com as quais saiba lidar.

3. Manter os olhos de forma centralizada ao computador ou tablet e fazer uso de mobiliário que permita apoio aos braços é o mais adequado, assim, ombros e pescoço ficam relaxados. 

4. Faça pequenas pausas ao longo do tempo para movimentação e alongamento, bem como para não sobrecarregar os olhos com a concentração excessiva e a luminosidade constante das telas.

5. Incentive seu filho a sentar-se com a postura correta. Mantenha os pés no chão, com as coxas totalmente apoiadas na cadeira. Joelhos, quadris e cotovelos devem estar em ângulos de 90 a 100 graus.

Os comentários estão desativados.