Leitura - 1min

Fazer lição de casa ensina sobre responsabilidade

Tarefa também é oportunidade para os pais estarem mais próximos do conteúdo escolar do filho

Mesmo as crianças pequenas, com pouco mais de dois anos, já são capazes de assumir pequenas responsabilidades. Guardar brinquedos, tirar o prato da mesa ou pegar uma fruta da fruteira, por exemplo, são atividades que as crianças podem aprender desde cedo. A noção de responsabilidade pode ser desenvolvida em diversos aspectos da vida dos filhos, seja na escola, nas tarefas domésticas, nas causas sociais e muitos outros.

Uma das atribuições que surgem quando a criança inicia o Ensino Fundamental é a lição de casa. Além de ser um compromisso com o conteúdo escolar, a atividade pode também ser encarada como uma oportunidade para a família compartilhar conhecimento com os filhos, destaca a psicóloga Rima Awada Zahra.

Senso de responsabilidade

“Pode render ótimas conversas, sem falar que nestes momentos podemos estar mais pertinho deles nessa ponte com a escola”, diz Rima. Fazer a lição, segundo ela, é uma tarefa como qualquer outra, como vestir-se, escovar os dentes e tomar banho, e estas também não são menos importantes para desenvolver o senso de responsabilidade. “Está tudo interligado”, afirma.
A forma como os pais encaram os desafios do dia a dia e as tarefas impostas pela vida influenciam a maneira com que os filhos compreendem as responsabilidades. Afinal, as crianças aprendem principalmente pelo exemplo e tendem a reproduzir os comportamentos que observam nas pessoas mais próximas.

Não faça a lição pelo filho

A psicóloga reafirma a importância de os pais estarem presentes no momento de fazer a lição de casa. Porém, é preciso ter em mente que isso não significa fazer o dever pelo filho, e muito menos aproveitar para testar o conhecimento da criança e a repreender por errar. “Os pais devem ser o apoio da criança quando ela tem dúvidas, quando se sente insegura ou quando tem interesse em ir além daquilo que está no dever”, sugere. É sempre bom lembrar, ressalta Rima, que a criança forma sua autoestima a partir do olhar dos pais, com acompanhamento, incentivo e carinho.

Deixe aqui suas sugestões, elogios ou críticas